15 49.0138 8.38624 arrow 1 arrow 0 4000 1 0 horizontal https://professoresdosucesso.com.br 300 0 1
theme-sticky-logo-alt
Please assign a Header Menu.
19 de junho de 2014

Essa é a única forma de combater a corrupção?

[fusion_builder_container hundred_percent=”yes” overflow=”visible”][fusion_builder_row][fusion_builder_column type=”1_1″ background_position=”left top” background_color=”” border_size=”” border_color=”” border_style=”solid” spacing=”yes” background_image=”” background_repeat=”no-repeat” padding=”” margin_top=”0px” margin_bottom=”0px” class=”” id=”” animation_type=”” animation_speed=”0.3″ animation_direction=”left” hide_on_mobile=”no” center_content=”no” min_height=”none”]

Como enfrentar a corrupção?

Como enfrentar a corrupção?

Qual a saída que existe para pessoas honestas tocarem seus empregos, seus negócios e suas vidas longe da corrupção que contamina o país? E qual seria o futuro reservado para as pessoas honestas?

Em quase tudo, Aonde quer que esteja, você encontra desmazelo com a coisa pública ou interesses pessoais distorcendo políticas empresariais.

Experimente pesquisar: desde a abertura de uma firma até o fechamento de contratos de venda e serviço, tudo tem algum nível de ilegalidade.

E omissão é corrupção também. Se você não busca conhecer como as coisas são feitas e intervém para impedir essas práticas, corre o risco de se tornar um agente passivo do sistema.

Fica parecendo que não há saída.

Mas o que me motivou a publicar esse artigo foi uma conversa com um grande amigo, que se queixava de que quanto mais você sobe na organização, mais você é obrigado a conviver com práticas corruptas, que ele repudia.

Como se escapa disso?

Eu também vejo as coisas dessa mesma forma: quanto mais envolve recursos, quanto mais alto é o nível da tomada de decisão, mais a prática da corrupção é comum.

Meu amigo, assim como eu, somos pessoas honestas. Muito honesta. Daqueles que não furam fila, que sequer estacionamos em lugar proibido.

Bem, eu sugeri que fizesse o que eu faço: buscar se afastar disso tudo. Lamentar e repudiar é importante. Mas ignorar e fugir seriam essenciais.

Aí o papo ficou quente. Pois existem dois pontos contraditórios na minha sugestão:

1 – Se quero crescer, mas quanto mais alto o nível, mais comum a corrupção. Então, para fugir disso, tenho que desistir de crescer?

2 – E se as pessoas honestas abdicam de crescer por causa da corrupção, para quem elas darão espaço? Para outros corruptos, provavelmente.

Seguem as seguintes considerações

1 – Se os honestos fugirem, mais e mais corruptos tomarão os espaços, e mais os honestos ficarão acuados.

2 – Fugir da corrupção pode até parecer bom no curto prazo, mas no longo leva à um péssimo resultado, até a extinção.

Bom meu amigo, que ocupa um cargo bem alto em uma corporação gigante, me contou sobre o papo que teve com seu líder.
Revelou a ele sua angústia e obteve a seguinte resposta:

“Cresça”….

“E ocupe o lugar de quem é corrupto.”

Ele ficou sem resposta para contestar seu chefe, como se tivesse consentido.
Eu também estou sem argumentos. Sem saída mesmo para contra argumenta-lo.

Essa pareceu ser, então, a melhor forma de combater a corrupção.

E me fez refletir sobre minha covardia, inocência e a passividade com a qual tenho tratado todas as situações ilícitas.

Até agora não tenho uma resposta melhor…

 

 

A evolução é coletiva. Ninguém vence sozinho. Se considerar esse conhecimento relevante, compartilhe com seus amigos.

Superar-se sempre. Avançar sempre. Rumo aos objetivos.

Agradeço a atenção dispensada.Nos encontraremos no sucesso.[/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]