Entenda os males causados pela procrastinação na sua carreria

Entenda os males causados pela procrastinação na sua carreria

Procrastinação: entenda os males que ela pode causar na sua carreira!

No ambiente profissional, algumas armadilhas podem acabar prejudicando a sua carreira. Faz-se necessário ficar atento para não cair em nenhuma delas, como por exemplo, a procrastinação.

Já ouviu aquele seu colega preguiçoso falar por ai “Não deixe para hoje o que você pode fazer amanhã.”? Isso é procrastinar, ou seja, praticar o ato de adiar as suas tarefas, mania velha de deixar praticamente tudo para depois.

Exemplos de procrastinação no trabalho

Dois exemplos clássicos de procrastinação que ocorrem no trabalho:

  • Ao chegar no trabalho, prioriza suas redes sociais e conversas paralelas com os colegas para só mais tarde iniciar as suas atividades.
  • A entrega do relatório será em 30 dias, mas você deixa para começar somente faltando 2 ou 3 dias.

Encontre a procrastinação no seu dia a dia

Procrastinar envolve aquilo que você deve fazer, mas que você não tem prazer naquilo. Por exemplo: entregar toda segunda-feira o relatório para o seu chefe. O que você faz? Adia várias vezes o início. Ela não existe naqueles momentos em que você faz algo porque quer, e não porque sente-se obrigado. Priorizar tarefas menos importantes em prol daquelas que precisa executar de verdade é procrastinar.

Dicas para você se livrar de vez da procrastinação

1. Dividir o seu tempo em períodos menores: assim você se sentirá obrigado a concluir as tarefas o quanto antes, pois quando tem muitas atividades para fazer, tende a supervalorizar os prazos delas.

2. Determine horários para concluir as tarefas: reúna as suas atividades e determine quanto tempo poderá se dedicar a cada uma delas.

3. Tenha o seu calendário: perceba como as tarefas que você executa estão interligadas. Deixe esse calendário ou agenda em um local em que possa ver, para relembrar as datas.

4. Desafie-se: entusiasmar-se faz parte do ciclo para que você não perca o interesse nas suas atividades.

5. Mudando o ambiente: se a sua mesa de trabalho te traz tédio, que tal mudar de lugar? Afaste-se também das pessoas que prejudicam a sua rotina.

6. Aproxime-se de um parceiro: dar satisfação do seu trabalho para um parceiro aumenta o seu senso de responsabilidade.

7. Compartilhe os seus objetivos: quando as pessoas sabem quais são os seus objetivos, elas tendem a perguntar a respeito deles. É uma cobrança indireta, mas que te ajuda a manter o foco.

8. Ponha horário para as distrações: durante o trabalho, evite distrair-se com redes sociais antes de concluir as suas atividades. O mesmo vale para aquela pausa do café.

9. Você merece uma recompensa: imagine algo que gosta e que seja simples, como por exemplo, tomar um café com a turma no meio de cada expediente. Agora estabeleça uma meta: você vai lá somente quando terminar as atividades. Isso pode valer com um doce, um happy hour… recompense-se pelas atividades concluídas.

10. Nunca espere o momento perfeito: não existe a hora perfeita para começar uma atividade, portanto pare de se enganar e mãos à obra para executar aquilo que é necessário.

Agora que você já sabe o que é procrastinar e como esse ato afeta a sua carreira profissional, clique aqui e aprenda quais são os 10 maiores benefícios da gestão do tempo na sua vida.

BAIXE NOSSO EBOOK GRÁTIS

ADICIONE 3 HORAS LIVRES AO SEU DIA

Descubra as três atividades simples para colocar em prática ainda hoje e fazer seu dia render muito mais.

BAIXE O EBOOK AGORA

By | 2017-01-02T12:00:09+00:00 18 de janeiro de 2016|Carreira|
  • Gabriel Costa

    Aproveitando o assunto, a quem interessar, um teste para identificar seu tipo de procrastinador:

    http://www.playbuzz.com/sidartal10/que-tipo-de-procrastinador-voc

    É baseado no livro de uma psicóloga chamada Linda Sapadin (“It’s About Time!: The Six Styles of Procrastination and How to Overcome Them”, Penguin Books, 1997).

  • Walderlei

    Excelente artigo, parabéns. Realmente a procrastinação é um mal silencioso que destrói não só carreiras profissionais, como também sonhos de melhoria de vida. É uma autossabotagem.

    Tenho um blog especializado em concursos públicos e sei que a procrastinação prejudica também os estudantes.

    Caso haja interesse em visitar o blog, segue o link: http://www.portalconcursopublico.com.br

    Abraços.

    • Obrigado pelo comentário e pela contribuição, Walderlei.
      Abraços,
      Ps, você sabe que deixar o link para o seu site aqui nos comentários não vai gerar “link building”? Todos os links externos nos comentários contém a instrução rel=”nofollow”. Ou seja, os buscadores não irão segui-los.

      • Walderlei

        Obrigado pela dica André! Realmente, eu não sabia. Aliás, ainda não sei quase nada sobre marketing digital. 🙂

        • Estamos juntos nessa, brother… Só lembro que não é nada legal tentar levar tráfego para o seu site a partir de um site que também trabalha como afiliado. Parece que você está querendo “roubar” a audiência. É uma questão de ética, sacou? Perdoável para quem está começando, mas nada legal se você quer construir uma carreira sólida e respeitada neste setor. #FicaADica

    • Obrigado pelo comentário e pela contribuição, Walderlei.
      Abraços,
      Ps, você sabe que deixar o link para o seu site aqui nos comentários não vai gerar “link building”? Todos os links externos nos comentários contém a instrução rel=”nofollow”. Ou seja, os buscadores não irão segui-los.

  • Walderlei

    Excelente artigo, parabéns. Realmente a procrastinação é um mal silencioso que destrói não só carreiras profissionais, como também sonhos de melhoria de vida. É uma autossabotagem.

    Tenho um blog especializado em concursos públicos e sei que a procrastinação prejudica também os estudantes.

    Caso haja interesse em visitar o blog, segue o link: http://www.portalconcursopublico.com.br

    Abraços.