Sucesso em equipe reduzida: saiba dividir tarefas

Sucesso em equipe reduzida: saiba dividir tarefas

De repente, em um piscar de olhos, nos vimos diante de uma turbulência!

Muitas vezes, quando a empresa necessita enxugar seu quadro de colaboradores e trabalhar com equipes reduzidas, existe um grande receio por parte dos colaboradores e líderes sobre qual a melhor forma de conduzir essa situação. No entanto, com um bom direcionamento das tarefas e um planejamento bem estruturado, é possível fazer do limão uma limonada.

Soluções existem! Confira algumas agora:

Primeiro passo: executar um mapa gerencial

  • Quem é sua equipe hoje ?
  • Com quem você trabalha?
  • Qual será o “timer” de cada profissional?

A equipe é autossuficiente?

Um líder de alta performance tem que se colocar perante o problema e na posição de trabalhar sob pressão. Só assim saberá conduzir estrategicamente sua equipe, visando o talento e o interesse de cada um.

Todos sabem que pessoas precisam de estímulos para render, não só na vida profissional, como também pessoal. E para que existam motivos para isso, precisamos avaliar, analisar parte a parte.

Segundo passo: dividir tarefas

Pessoas são ímpares, e só se tornam pares quando se enxergam em um espaço em que as valorizem e as escutem.

O ser humano tende, muito facilmente, em um confronto com um erro, ou um deslize, a se desequilibrar emocionalmente, levando consigo a incapacidade da eficácia e com isso a falta de confiança em si mesmo.

A motivação é o que faz carregar nossas energias e enxergar um horizonte. O sentido de estarmos onde estamos e onde podemos chegar.

Um grande líder saberá ouvi-lo e traçar um caminho. Estudando o foco, o objetivo, estilo, ritmo, uma meta, para que o desempenho surja naturalmente.

Gerenciar o tempo: prazos estipulados para que chegue ao sucesso

Precisamos seguir e passar a diante, alguns passos fundamentais, para que possamos conviver e viver com tranquilidade e entusiasmo:

  • Acreditar em você: eu quero, eu posso, eu consigo.
  • Manter-se aberto à aprendizagem: seremos eternos aprendizes;
  • Ficar sempre pronto a tomar decisões desafiadoras;
  • Saber escutar: erros servem para tiramos o melhor, e jogar o pior;
  • Nós fizemos: trabalhar em equipe é assumir erros coletivamente, nunca apontar e sim solucionar;
  • Criar um plano B: se assim não deu, então assim dará.

Terceiro passo: ter equilíbrio emocional

Problemas sempre farão parte de nossas vidas, e um líder tem que manter-se no máximo do equilíbrio, pois será por onde o conforto, a positividade trarão o resultado final.

Tenha em mente que nossa vida pessoal será de extrema importância para o convívio profissional.

Viver bem, com harmonia com sua mente e seu corpo, faz com que seu o dia a dia seja prazeroso, e com força para enfrentar qualquer desafio.

Tudo não passa de um plano estratégico, um alicerce para o futuro. Quando a base se sustenta, é sinal de que estamos prontos para um crescimento saudável.

Agora que você já sabe como é possível ter sucesso trabalhando com equipes reduzidas e qual a melhor forma de dividir as tarefas, sem gerar acúmulo de funções ou desmotivação, que tal compartilhar esse texto com outras pessoas que tenham interesse? Aproveite para deixar seus comentários e continue acompanhando nossas matérias.

BAIXE NOSSO EBOOK GRÁTIS

ADICIONE 3 HORAS LIVRES AO SEU DIA

Descubra as três atividades simples para colocar em prática ainda hoje e fazer seu dia render muito mais.

BAIXE O EBOOK AGORA
By | 2017-01-02T11:59:59+00:00 21 de março de 2016|Produtividade|