6 dicas para se divertir no final de semana sem gastar muito

Convenhamos, a vida adulta não é nada fácil, principalmente quando o assunto é dinheiro. Aluguel, despesas de casa, alimentação, filhos, marido ou esposa, carro… As responsabilidades vão minando nossos recursos e, ao fim do mês, o máximo que conseguimos fazer é tomar um sorvete na pracinha.

E essa rotina entre o “duro” e o “quebrado” nos faz até mesmo esquecer que é nosso direito se divertir no final de semana, e ter acesso ao lazer e a momentos prazerosos, sem muitas responsabilidades, não é?

Pois é. Desse jeito, e com a economia em crise e os preços lá nas alturas, a saída é ser criativo e arranjar maneiras de aproveitar a vida gastando pouco. Difícil? Nem sempre!

Na verdade, opções é o que não falta. É só garimpar aquilo que pode te fazer bem e te divertir sem agredir o bolso. Quer ver só? Continue lendo este post e confira nossas dicas para se divertir no final de semana!

1. Assista a filmes e coma pipoca

É claro que se você faz isso todo santo fim de semana, vai chegar uma hora que a panela de pipoca se transformará em um alien prestes a te devorar, e não o contrário. Ainda assim, esse é um ótimo passatempo, e bem barato!

Se essa já é sua opção obrigatória do final de semana por falta de dinheiro, aqui vão duas dicas:

  • comece a fazer o mesmo programa em outras casas: marque com os amigos, cada final de semana na casa de um. Você vai ver que um programa aparentemente repetitivo e enfadonho pode ser muito divertido quando estamos em ambientes diferentes do nosso habitual;
  • chame amigos diferentes para fazer isso em sua casa: um primo distante, um vizinho etc. Isso pode te levar a descobrir quão divertido é o seu lar — basta ter as companhias certas.

2. Procure locais com entrada free

Não é todo lugar legal que te assaltam na “entrada” ou na “saída”. Sempre existem bares, festas e pubs que têm eventos com entrada gratuita.

Então, fique ligado nos sites desses locais e sempre pergunte aos amigos se eles sabem de alguma opção free para aquele dia. Faça uma pesquisa na internet dos locais que você mais gosta, dos que ainda não foi e dos que tem vontade de conhecer.

E se inscreva nas newsletters dessas páginas para receber e-mails com promoções e eventos. Siga-as também nas redes sociais, para saber quando vai rolar aquela entrada gratuita ou uma promoção de petiscos.

Nomes em listas

Algumas festas e casas de shows possuem listas para confirmar presença antecipadamente, e isso pode garantir um belo desconto na entrada. Em alguns locais, inclusive, quem confirma o nome entra de graça.

Mais uma vez, fique ligado nas redes sociais — hoje em dia, é lá que eles criam as listas.

3. Alimente-se antes de sair de casa

Muitas vezes o que esvazia nosso bolso na balada é encher a barriga. Afinal, quantas vezes saímos de casa na correria, e com o estômago vazio?

Então, chegamos na balada com aquela baita fome e, para aguentar a noite, precisamos nos alimentar bem… aí só vamos ver o prejuízo na hora de ir embora. Por isso, a dica aqui é: alimente-se antes de sair de casa.

Faça uma boa refeição antes de ir para a noite, assim, você só gastará com petiscos, bebida e água. Mas tome cuidado para não exagerar na refeição e passar mal. Assim, ao invés de economizar, sua noite acabará tão mal quanto você.

Outra opção é, antes de ir ao seu destino principal, passar naquela lanchonete, bar ou restaurante que você sabe que tem comida barata. Fazendo esse pequeno pit stop, você não terá problemas com a fome aonde nem sabe se tem cardápio, ou se as opções cabem no seu bolso.

4. Não leve o cartão de crédito

Muitas pessoas descontrolam a vida financeira justamente por utilizarem mal o cartão de crédito. Então, você não pode gastar mais do que “x” valor? Não leve o cartão de crédito! Leve apenas o dinheiro que você pode gastar naquela noite e vá controlando seus gastos.

Se você tiver mais de um cartão, talvez possa levar aquele com menor crédito para casos de emergência. Mas lembre-se: é para casos de emergência!

E sempre passe o olho na comanda para saber como está o consumo, conferindo todos os pedidos na hora de pagar. Não é sempre, mas erros em comandas costumam acontecer — e, se não forem vistos, quem vai ter que usar o cartão e sair no prejuízo é você.

5. Faça passeios virtuais pela internet

Gosta de conhecer lugares novos, visitar museus, pontos turísticos? Pois isso tudo pode ser feito sem sair de casa, sabia?

Atualmente, há várias opções de passeios virtuais, como o Google Street View, e centenas de museus nacionais e internacionais já permitem visitação online a qualquer hora do dia, e aos finais de semana.

A internet também pode ser uma boa companheira em dias de solidão e bolso vazio. Aliás, as redes sociais são as campeãs em fazer as pessoas ficarem em casa, não é?

Então, aproveite para conversar com amigos com que há muito tempo você não bate um papo, ou com aqueles familiares que moram distantes de você e dificilmente te fazem uma visita.

6. Reúna os melhores amigos

Sabe aqueles seus grandes amigos que quase nunca se juntam todos em um mesmo lugar? Pois bem; aproveite a chance para criar um “clube” e organize um dia da semana para reunir todos.

Seja para comer — nesse caso, cada um pode levar um prato —, para tomar uma cervejinha, conversar, assistir séries ou jogar cartas e jogos de tabuleiro. Afinal, nada é mais divertido que jogar conversa fora, desabafar e rir, ainda mais com quem a gente tem intimidade!

E, se a criatividade anda em baixa e vocês não conseguem pensar em nada legal, não hesite em voltar à velha e querida pipoca com filmes. Perto de quem a gente gosta, qualquer coisa nos diverte!

Viu só como é possível, com um pouco de criatividade, se divertir no final de semana sem gastar muito? De fato, nem sempre dinheiro é sinônimo de diversão.

Então, é melhor fazer o que a gente gosta com pessoas que amamos que sair por aí gastando tudo no desespero de encontrar alguma alegria, não é?

BAIXE NOSSO EBOOK GRÁTIS

PROSPERIDADE FINANCEIRA NA PRÁTICA

O guia "Prosperidade Financeira na Prática" vai ajudar você a se livrar das dívidas, ajustar o orçamento e conquistar prosperidade financeira.

BAIXE O EBOOK AGORA

By | 2017-02-20T17:32:48+00:00 15 de março de 2017|Educação Financeira, Sucesso Financeiro|