10 filmes sobre finanças que você precisa assistir

10 filmes sobre finanças que você precisa assistir

O cinema muitas vezes pode nos surpreender, indo além do entretenimento para nos presentear com bons ensinamentos sobre a vida, inspirações filosóficas, passagens históricas e até mesmo formas novas de lidar com o dinheiro.

Por isso, selecionamos 10 filmes sobre finanças que você precisa assistir. Então estoure a pipoca e confira!

O Poderoso Chefão (1972/1974/1990)

Marlon Brando, Al Pacino, Robert De Niro e Andy Garcia. Esses são apenas alguns nomes que estrelaram os filmes da trilogia O Poderoso Chefão, mostrando todo o poder, intrigas e enriquecimento da família de mafiosos mais conhecida do cinema.

Uma das trilogias de maior sucesso do cinema, O Poderoso Chefão, além de ter eternizado o estilo de filme com o enredo “máfia”, traz também em suas histórias muitos ensinamentos valiosos sobre finanças, planejamento financeiro e administração de negócios.

O Lobo de Wall Street (2013)

Nesse filme inspirado em acontecimentos reais, Leonardo DiCaprio vive Belfort, um corretor de títulos da bolsa de valores americana. Em meio a uma vida cheia de exageros envolvendo festas, drogas e mulheres, a trama narra como Belfort ergueu-se praticando fraudes de seguro com a sua empresa, Stratton Oakmont, por meio de muita corrupção em Wall Street.

Mesmo cercado por tanta corrupção e ilegalidade, é possível acompanhar a perspicácia no raciocínio de Belfort e a forma como o seu tino para negócios o ajudou a faturar milhões a partir do zero.

Os delírios de consumo de Becky Bloom (2009)

Becky Bloom é uma repórter que escreve sobre finanças pessoais em um jornal de Nova York ― enquanto, na verdade, é uma pessoa extremamente consumista e vive fugindo de cobradores. O filme segue o estilo comédia romântica, e Becky acaba apaixonando-se por um bonito empresário enquanto lida com o seu consumismo desenfreado.

Qual é a melhor forma de cuidarmos do nosso dinheiro senão utilizando-o basicamente para aquilo de que necessitamos e evitando os exageros?

O filme, ao mostrar o inverso dessa lógica, nos ensina também quão grande é a diferença entre querer algo e realmente precisar disso — e como é importante estarmos bem longe de dívidas.

Quem quer ser um Milionário? (2008)

Esse filme, que recebeu 10 indicações ao Oscar, mostra que além de ter uma bela história, pode render vários frutos para quem busca uma aprendizagem sobre finanças.

Vindo da periferia de Mumbai, na Índia, Jamal Malik torna-se o finalista de um programa de perguntas e respostas de uma emissora de TV indiana, concorrendo ao prêmio final de 20 milhões de rúpias.

O filme pode nos ensinar que, em muitos momentos da vida, estar diante de situações com mais de uma alternativa e precisar escolher a resposta certa pode não ser tão fácil, principalmente quando há dinheiro envolvido.

E mais: o filme nos permite refletir também que nem sempre fazer perguntas é a chave para algum problema financeiro, mas sim trabalhar nas respostas para cuidar do nosso dinheiro.

Freakonomics (2010)

Baseado no livro de mesmo nome, o filme ― em forma de documentário ― aponta os comportamentos do ser humano sob o aspecto científico, como os fatores determinantes para uma pessoa gastar tanto dinheiro e consumir determinados produtos.

Entender a nossa relação com o dinheiro é, sem dúvida, uma das formas mais eficientes e seguras de reprogramar os nossos comportamentos e ações — para que o dinheiro trabalhe para nós, e não o contrário. Ou então que consigamos cuidar para que nossas riquezas materiais sejam suficientes para suprir todas as nossas necessidades, sem que, para isso, levemos uma vida superficial em busca de simples acúmulo de bens.

As loucuras de Dick e Jane (2005)

Essa comédia, que tem Jim Carrey como protagonista, narra a história de um casal que levava uma vida confortável e cheia de luxos quando, de repente, Dick (Jim Carrey) perde o emprego.

Daí para frente, inúmeras loucuras para manter as aparências e sustentar o estilo de vida são cometidas pelo casal, como tornarem-se uma dupla desajeitada de criminosos.

Além de proporcionar boas risadas, o filme também desperta em nós uma reflexão sobre o porquê de acreditarmos que precisamos de muito para sermos felizes. Além disso, o filme faz com que pensemos no que podemos fazer para nos prevenir frente a situações possíveis de demissão.

O longa também alerta sobre como devemos sempre administrar as nossas economias da melhor forma possível, para que tenhamos uma reserva guardada nesses casos.

À procura da felicidade (2006)

Também baseado em fatos reais, À procura da felicidade mostra as desventuras de Chris Gardner (Will Smith), um pai de família que, após investir seu dinheiro em uma ideia que não deu muito certo, começa a passar por tremendos problemas financeiros. Pouco a pouco, essa situação degrada o seu casamento e faz com que ele enfrente situações extremamente difíceis.

Mas mesmo em meio a todo esse cenário, Chris batalha até conseguir um estágio em uma importante corretora de ações e, ao lado de seu filho, mostra como manter a dignidade, buscar a felicidade e perseverar até vencer frente a situações financeiras tão adversas.

A Grande Virada (2010)

O filme conta a história de três homens que precisam sobreviver em meio a uma redução de custos da empresa em que trabalham, e o quanto essa decisão corporativa afetou suas vidas e carreiras.

E é em meio a essa trama que Ben Affleck, Kevin Costner e Tommy Lee Jones revelam como uma crise econômica pode impactar as estruturas internas de uma empresa. A Grande Virada mostra que precisamos sempre nos reciclar e buscar aperfeiçoamento para acompanhar as mudanças do mercado e superar qualquer sinal de crise que possa enfraquecer nossas economias ou investimentos.

Trabalho Interno (2010)

Focado na crise financeira que abalou a economia mundial em 2008, o documentário mostra os bastidores desse momento da história que deixou milhões de pessoas sem emprego e um prejuízo de quase US$20 trilhões.

É extremamente importante para quem trabalha com investimentos, empresários, pessoas relacionadas ao setor financeiro ou para quem deseja estar antenado sobre esse universo.

O homem que copiava (2003)

Em O homem que copiava, podemos acompanhar a história de André (Lázaro Ramos), um operador de máquinas de fotocópia em uma papelaria que adora desenhar histórias em quadrinhos e sonha em sair com sua vizinha Silvia (Leandra Leal).

Tudo começa a mudar quando André faz amizade com Cardoso (Pedro Cardoso), um mecânico ambicioso que propõe a André a falsificação de notas de R$50. Pensando em conquistar a sua amada, o jovem André embarca nessa perigosa aventura.

Em uma mescla de drama e humor, essa obra do cinema brasileiro nos mostra até onde as pessoas estão dispostas, em muito casos, a assumir riscos e atitudes impensadas financeiramente em busca dos seus objetivos.

É um bom filme para refletirmos sobre aquilo de que realmente precisamos e aprendermos ao começar a investir em nossas ambições com o que temos, subindo um degrau de cada vez.

Gostou das nossas dicas de filmes sobre finanças? Então, deixe o seu comentário com ideias e sugestões sobre o assunto!

BAIXE NOSSO EBOOK GRÁTIS

ADICIONE 3 HORAS LIVRES AO SEU DIA

Descubra as três atividades simples para colocar em prática ainda hoje e fazer seu dia render muito mais.

BAIXE O EBOOK AGORA
By | 2017-01-02T11:59:38+00:00 11 de julho de 2016|Educação Financeira, Sucesso Financeiro|